Thursday, March 23, 2006

Eu e papai na feirinha do Arnaldo (é, aquela que tem o xuxa, com os melhores churrasquinhos que existem!)

**


Hoje me bateu uma saudade de BH!

Tava ouvindo Cálix, Cartoon e Somba!!
Nó, sô... que saudade de morá ali do ladim do Lapa Multishow e descê pra vê a Orquestra Mineira do Rock! Que saudade de ir procurá a Bia ali na porta, geralmente com a sandalinha de couro e a meia preta 3/4! Que saudade de ir pro Armazém dos Sabores ou pro Brasil 41 com minhas primas! Que saudade de dá uma volta tomando um vinho pela Praça Sta. Tereza!
Que saudade...
Que saudade de sair do Logó (que saudade dessa palavra!) E ir pra Savassi sentá no Mc Donald's, não consumir nada e ser expulsa pelo "guardinha" de lá! Que saudade da Praça da Liberdade e das florzinhas comestíveis! E aquele punk louco que saiu correndo atrás de mim? "Cara, que pira! Fraga?!"...
Que saudade...
Ficá perambulando por BH é uma terapia...
Sair do Anchieta e ir a pé até o Sto. Antônio! , ou então até o Sta. Efigênia! Dali ir pro Sta. tereza e comer no Bolão!!!
Nó, que espaguete bão!!
E sair da Timbiras e ir pra Savssi a pé com a Paty, pq ela queria comer no mc donal's!
E aqueles minino da net que a gente encontrou uma vez? É, ele era primo da sua vizinha! Que coincidência!
E o tropeiro do Mineirão em jogos de clássicos? E qndo eu me enrolei na bandeira do América/MG lá no Independência??
Que iss... quanta história, sô...

BH que me faz respirar melhor, que me acolhe, que me faz tão feliz!

BH pode ser o que for, mas é meu lar... eu posso morar onde for, mas BH vai ser SEMPRE meu lugar!

saudade daí... uai...

-:'D

Wednesday, March 22, 2006


Alguém mais notou alguma coisa nessa foto, fora a estupidez do ritual dos xiitas?????

Thursday, March 16, 2006

Sonho...

Sonhei com essa música ontem!

Lonely Summer Nights
(Stray Cats)


All those long and lonely summer nights
that I have spent alone
Just thinking of you don't make dreams come true
When you're so far away

All those lovely moonlit summer nights
I guess they're all invain
I know that I could don't know if I should
I want you in my arms again

Here I just sitting lonely
Just counting the days I've to stay
But how do I know I still love you
When you're so far away

All those long and lonely summer nights
I guess they're all in vain
Just thinking of you don't make dreams come true
I want you in my arms again

Here I just sitting lonely
Just counting the days I've to stay
But how do I know I still love you
When you're so far away

All those long and lonely summer nights
I guess they're all in vain
Just thinking of you don't make dreams come true
When you're so far away

We'll be together somehow, someday
Oooh

Wednesday, March 15, 2006

RECOMENDO...

The Origin Of Love
(Hedwig And The Angry Inch)

When the earth was still flat
And clouds made of fire
And mountains stretched up to the sky
Sometimes higher
Folks roamed the earth like big rolling kegs
They had two sets of arms
They had two sets of legs
They had two faces peering
Out of one giant head
So they could watch all around them
As they talked; while they read
And they never knew nothing of love
It was before the origin of love
The origin of love

And there were three sexes then,
One that looked like two men
Glued up back to back
Called the children of the sun
And similiar in shape and girth
Were the children of the earth
They looked like two girls rolled up in one
And the children of the moon
Were like a fork shoved on a spoon
They were part sun, part earth, part daughter, part son
The origin of love

Now the gods grew quite scared
Of our strength and defiance
And Thor said "I'm gonna kill them all with my hammer
Like I killed the giants"
And Zeus said "NoYou better let me use my lightning like scissors
Like I cut the legs off the whales
And dinosaurs into lizards"
Then he grabbed up some bolts
And he let out a laugh
Said "I'll split them right down the middle
Gonna cut them right up in half"
And the storm clouds gathered above
Into great balls of fire.

And then fire shot down from the sky in bolts
Like shining blades of a knife
And it ripped right through the flesh
Of the children of the sun and the moon
And the earth
And some Indian god sewed the wound upInto a hole
Pulled it 'round to our bellies
To remind us the price we pay
And Osiris and the gods of the nile
Gathered up a big storm
To blow a hurricane
To scatter us away
And a sea of tidal waves
To wash us all away
And if we don't behave
They'll cut us down again
We'll be walking around on one foot
And looking through one eye

The last time I saw you
We had just split in two
You were looking at me
I was looking at you
You had a way so familiar
But I could not recognize'cause you had blood in your face
And I had blood in my eyes
But I could swear by your expression
That the pain down in your soul
Was the same as the one down in mine
That's the pain
That cuts a straight line down through the heart
We call it love
So we wrapped our arms around each other
Trying to shove ourselves back together
We were making love
Making love
It was a cold dark evening such a long time ago
When by the might hand of Jove
It was a sad story how we became
Lonely two-legged creatures
It's the story
The origin of love
That's the origin of love.

**

A melhor explicação da Origem do Amor...

**

Recomendo este filme e esta banda.
Hedwig And The Angry Inch

Tuesday, March 14, 2006

Eu queria poder escrever tanta coisa aqui...
Queria escrever sobre as pessoas que já estão mortas e ainda se comunicam comigo através de emails...
queria falar sobre aquela música que ficou legal na voz de num sei quem sem que as pessos vissem isso de outra forma...
queria desabafar minha raiva de trabalhar com tal coisa...
queria cantar sem ser recriminada (tá, minha voz não é boa pra isso, mas cantar é tão legal)
queria gritar tantas verdades...

**

Por falar em música...
Tá aí uma coisa que me acalma... música...
me deixa um dia inteiro ouvindo música... vou entrar em nirvana pra nunca mais voltar!!

**

Se Viver Fosse Doce
(Pelebrói Não Sei?)

Se você soubesse a tristeza que eu sentia
Triste o dia todo, triste todo dia
Se lhe prometesse 10 mil beijos lhe daria
Nunca mentiria, jamais mentiria

Agora que chegou a hora
E o amargo da partida vem
A mágoa de quem vai embora
Amarra quem não tem ninguém

E se lhe contasse que agora eu tô bem
Não sinto saudade, isso nao convem
Posso até jurar que o meu mundo mudou
E que amar e Punk, PunkRock&Roll

Agora que chegou a hora
E o amargo da partida vem
A mágoa de quem vai embora
Amarra quem não tem ninguém

Meus passos são lentos, mas não parei de andar
Inclusive hoje não paro de cantar
E pra terminar vou dizer o que restou
De uma antiga mágoa, um novo amor

Agora que chegou a hora
E o amargo da partida vem
A mágoa de quem vai embora
Amarra quem não tem ninguém

Monday, March 13, 2006

Eu achava que eu não era normal...
Até conhecer os seres humanos...

Thursday, March 09, 2006


"a turma vê as pingas que eu bebo, mas não vê os tombos que eu levo"

Tuesday, March 07, 2006

SHOW PAPAUMAS


Espero que uma pessoa não tenha a CARA DE PAU de aparecer nesse show...

Friday, March 03, 2006


Mini Punk
(Pelebrói Não Sei?)

Quando a vi na feira de Domingo
Lá no Largo foi tão lindo
Eu senti alguma coisa acontecer
Seu olhar perdido meio junkie
Minissaia punky punky
E um colorido duvidoso e demodé
Eu me apaixonei por essa mina
Fui sentar numa esquina
E pedi um chopp escuro pra beber
Ela foi andando e sumindo
E a paixão me consumindo
Nunca mais aquela gata pude ver
Desde então volto toda semana e como a boliviana
Que me alimenta e me dá prazer
Vem! Serás a minha dama, deitar em minha cama
E fazer coisas que eu nem sei dizer